Mau tempo: Proteção Civil interdita acessos a duas praias na Ericeira, Mafra

A medida de prevenção tem em conta as previsões de forte ondulação, com ondas superiores a 10 metros.

A Proteção Civil Municipal de Mafra interditou o acesso às Furnas e às praias do Algodio e do Sul, na Ericeira, devido à forte agitação marítima, refere um comunicado hoje divulgado.

No comunicado, a Proteção Civil desta Câmara do distrito de Lisboa refere que se trata de uma medida de prevenção, tendo em conta as previsões de forte ondulação, com ondas superiores a 10 metros, motivo pelo qual recomenda que os cidadãos não devem aproximar-se da orla costeira.

Por causa da agitação marítima, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou os distritos de Leiria, Lisboa, Setúbal, Beja e Faro sob aviso laranja entre as 18:00 de quarta-feira e as 21:00 de quinta-feira.

Para estes distritos, o IPMA prevê ondas de sudoeste com 5 a 6 metros, podendo chegar aos 12 metros de altura, em especial no barlavento.

A Autoridade Marítima Nacional (AMN) alertou para um agravamento gradual das condições do estado do mar até sexta-feira, com ondas que podem chegar aos nove metros de altura.

A instabilidade marítima será acompanhada de "muita chuva" e de "vento muito forte", com rajadas que poderão ultrapassar os 40 nós.

A AMN recomenda a quem se encontra no mar a regressar ao porto de abrigo mais próximo e a adotar medidas de precaução, tais como "reforço da amarração e vigilância apertada das embarcações atracadas e fundeadas".

A Autoridade Marítima dirige um especial aviso aos pescadores lúdicos de pesca à cana, aconselhando que devem evitar "pescar junto às falésias e zonas de arriba nas frentes costeiras atingidas pela rebentação das ondas, tendo sempre presente que o mar nestas situações extremas alcança muitas vezes zonas aparentemente seguras".

À população em geral, a AMN aconselha que evite passeios junto à costa e nas praias.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG