DN celebra 153 anos de vida com quatro dias de conferências

Os Compromissos de Portugal com a Europa. Foi sob este lema que o DN convocou personalidades da economia e da política

O palco será sempre o mesmo: a Sala Sophia de Mello Breyner Andresen, no Centro Cultural de Belém (CCB). De hoje até dia 21, quinta-feira, decorrerá ali um ciclo de quatro conferências organizadas para celebrar o 153.º aniversário do DN.

Subordinadas ao tema "Os compromissos de Portugal com a Europa", as conferências levarão ao CCB personalidades da economia e da política, representando estas todo o leque partidário, desde membros do governo PS, passando pelo PSD e incluindo os líderes do Bloco de Esquerda e do PCP, Catarina Martins e Jerónimo de Sousa. Estes participarão na última conferência, Que Europa Queremos?, na quinta-feira, bem como a líder do CDS, Assunção Cristas. Convidado está também o comissário europeu da Economia, Pierre Moscovici, e ainda o ministro português dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, que encerrará. Outros participantes nesse último dia deste ciclo de conferências serão o provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, Edmundo Martinho, e o antigo MNE Martins da Cruz.

O ciclo inicia-se hoje pelas 10.00 e o tema será "Infraestruturas". As perguntas são várias: qual o impacto do Plano Juncker, do Fundo Europeu de Investimentos Estratégicos, em Portugal? Como é que as instituições europeias podem servir de apoio à decisão política estratégica a nível nacional? Portugal tem um défice de pensamento estratégico e de decisão política nesta área? Quais as áreas de intervenção prioritárias para o próximo quadro comunitário 2020-2027: energia; infraestruturas sociais; transporte; digital; agricultura; eficiência de recursos e ambiente? Aceitaram participar no painel o economista português (residente nos EUA) Alfredo Marvão Pereira, bem como o eurodeputado do PSD José Manuel Fernandes, o bastonário da Ordem dos Engenheiros Carlos Mineiro Aires, e o ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques.

"Economia social e emprego" será o tema do segundo dia de conferências, terça-feira, para discutir o atual momento de transição entre um tempo de crise, com elevadas taxas de desemprego, e a afirmação da quarta revolução industrial. Participarão António Tomás Correia (presidente da Associação Mutualista Montepio), os eurodeputados Marinho e Pinto (Aliança dos Democratas e Liberais) e Maria João Rodrigues (PS), Silva Peneda (ex-ministro, conselheiro da Comissão Europeia) e o ministro Vieira da Silva (Trabalho, Solidariedade e da Segurança Social).

Encontrar resposta aos desafios de uma crescente urbanização e envelhecimento da população será o tema em debata no terceiro dia de conferências. Para o painel "Cidades e mobilidade" estão convocados António Oliveira Martins (CEO da Leaseplan), os eurodeputados João Pimenta Lopes (PCP) e José Inácio Faria (MPT), Tiago Lopes Farias (CEO da Carris) e Fernando Medina (presidente da Câmara Municipal de Lisboa).

Exclusivos