Costa solidário com Luaty envia carta ao MPLA

Secretário-geral do PS preocupado com a situação do luso-angolano

António Costa enviou, no início da presente semana, uma carta ao MPLA a revelar que está a acompanhar com preocupação o estado de saúde de Luaty, há 32 dias em greve de fome. Segundo fonte socialista o líder do PS mostrou-se disponível para ajudar na resolução do caso, não adiantando que tipo de ajuda é que António Costa ofereceu ao partido angolano, nem eventuais ações que os socialistas possam vir promover em solidariedade com o luso-angolano.

O Bloco de Esquerda e o PAN têm sido os único partidos que, em Portugal, tem falado abertamente sobre o caso dos ativistas angolanos. Ainda ontem, a deputada do BE Mariana Mortágua, o ex-líder do partido, Francisco Louçã e o deputado do PAN André Silva juntaram à concentração ocorrida no Rossio, em Lisboa, numa nova ação de protesto para exigir a libertação dos ativistas.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG