Marisa Matias prevê 256 mil euros de despesas na campanha

A candidata presidência apoiada pelo Bloco de Esquerda prevê gastar na campanha eleitoral um valor abaixo daquele que foi orçamentado há cinco anos.

A candidata presidencial Marisa Matias, apoiada pelo Bloco de Esquerda, prevê gastar até 256 mil euros na campanha eleitoral, que será adaptada às "exigências da pandemia", anunciou esta segunda-feira a candidatura.

Marisa Matias entregará hoje, no último dia do prazo, no Tribunal Constitucional, um orçamento de 256 mil euros, "um valor significativamente abaixo do que entregou há cinco anos" que foi de cerca de 454 mil euros.

"Adaptando a campanha às exigências da pandemia e salvaguardando a saúde, um terço do orçamento corresponde ao envio do jornal de campanha para o domicílio das pessoas", destaca a candidatura na nota divulgada.

Do conjunto das candidaturas apresentadas, a do candidato apoiado pelo PCP, João Ferreira, é a que apresenta o valor previsto mais elevado, de 450 mil euros.

Já Marcelo Rebelo de Sousa, atual Presidente da República que se recandidata ao cargo, prevê despesas de até 25 mil euros, enquanto Ana Gomes apresentou um orçamento de até 50 mil euros. Por sua vez, o líder do Chega, André Ventura, tem 160 mil euros orçamentados e Tiago Mayan, dirigente da Iniciativa Liberal, dispõe de um valor "abaixo de 40 mil euros".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG