Líder do PAN desvaloriza ausência na campanha de antigo porta-voz e fundadores

Inês Sousa Real diz que a "preocupação" do PAN nesta campanha eleitoral foi estar "em proximidade com a população".

Inês Sousa Real, líder do PAN, desvalorizou esta sexta-feira as ausências do antigo porta-voz e dos fundadores na campanha, considerando que os eleitores não querem saber de "tricas e trocas" entre partidos nem da sua vida interna.

"As pessoas não querem ouvir tricas nem trocas entre os partidos ou até mesmo das questões da vida interna dos partidos", mas sim de "soluções e respostas para o país", defendeu a porta-voz do Pessoas-Animais-Natureza (PAN).

À margem de uma visita a um skatepark em São João do Estoril, no concelho de Cascais, distrito de Lisboa, Inês Sousa Real foi questionada pelos jornalistas sobre as ausências na campanha do antigo porta-voz do PAN, André Silva, e dos fundadores do partido.

"Todos os filiados estão convocados para estar presentes nas ações de campanha", voltou a afirmar a também deputada, salientando que a "preocupação" do PAN nesta campanha eleitoral foi estar "em proximidade com a população".

Inês Sousa Real realçou que o PAN tem "pessoas que foram muito importantes para a vida do partido e que deram um contributo mais do que relevante", sublinhando que "a porta está sempre aberta", assim como "o reconhecimento para aquilo que foi o seu papel".

A ausência de figuras do partido na campanha eleitoral "é uma não questão para o PAN" e o motivo para o aparente afastamento do partido "só pode ser respondido pelos próprios e não nos cabe a nós estar a fazer especulações", vincou.

A porta-voz do PAN assinalou ainda que o partido optou por fazer uma campanha em "respeito pelas regras sanitárias", devido à pandemia de covid-19, indicando que o partido preferiu "evitar as arruadas e as grandes concentrações".

"Seria uma irresponsabilidade da parte do PAN que estivéssemos a fazer campanha como se nada se passasse e não houvesse uma pandemia e estamos a ter todos os cuidados e a privilegiar o contacto direto com as populações", acrescentou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG