Ex-líderes, deputados e conselheiros de Estado. 17 figuras do CDS prestam apoio a Marcelo

Consideram que Marcelo "é aquele que se apresenta, nas eleições, em melhores condições para servir Portugal nas mais altas funções do Estado e garantir a confiança, a proximidade, o equilíbrio, a independência e a solicitude que os próximos tempos - de crise ainda - vão certamente exigir".

Ex-presidentes do partido como Adriano Moreira ou José Ribeiro e Castro, deputados históricos como Narana Coissoró e conselheiros de Estado, como é o caso de António Lobo Xavier, são algumas das 17 figuras ligadas ao CDS que assinaram uma declaração de apoio à reeleição de Marcelo Rebelo de Sousa para a Presidência da República, a que o DN teve acesso.

No texto, diz-se que Marcelo "é aquele que se apresenta, nas eleições, em melhores condições para servir Portugal nas mais altas funções do Estado e garantir a confiança, a proximidade, o equilíbrio, a independência e a solicitude que os próximos tempos - de crise ainda - vão certamente exigir".

Os subscritores lembram que "Portugal enfrenta de novo uma conjuntura muito perigosa, decorrente do flagelo da pandemia, que ainda vai durar algum tempo" e que, assim, o país precisa de "alguém dotado da maior experiência, do exigente respeito pelo pluralismo, da mais alta inteligência, do generoso sentido de serviço público, do mais genuíno patriotismo, para ajudar o país a não deitar fora o que já foi conseguido, a retomar a senda do crescimento económico, a consolidar a democracia, a retomar o caminho do progresso social, económico e político, a prestigiar Portugal na Europa e no mundo".

Os 17 frisam que "as eleições presidenciais de 24 de Janeiro não são uma inutilidade, nem uma brincadeira". "Não é ocasião para aventuras, nem para indiferença. Todos temos o dever cívico de responder à chamada de Portugal. Todos somos chamados a convergir para a reeleição do Presidente de todos os Portugueses", terminam.

O CDS não avançou com candidato próprio às próximas eleições presidenciais, tendo prestado apoio à reeleição de Marcelo. "É o melhor para unir: não apenas no nosso espaço político, mas para unir todo o país", considerou o líder dos centristas, Francisco Rodrigues dos Santos.

Na passada quinta-feira foi também revelada pelo DN uma carta assinada por 23 socialistas a apelar ao voto em Marcelo Rebelo de Sousa.

Eis os 17 nomes que prestaram apoio a Marcelo e que assinam a declaração:

Abel Baptista, deputado à Assembleia da República (2005/19)

Adriano Moreira, conselheiro de Estado (2016/19), antigo Presidente do CDS

António Ferreira de Lemos, secretário de Estado nos VII e VIII Governos Constitucionais

António Lobo Xavier, conselheiro de Estado

António Loureiro, Presidente da Câmara Municipal de Albergaria-a-Velha

Francisco Seabra Ferreira, secretário de Estado no XV Governo Constitucional de Portugal

João Casanova Almeida, secretário de Estado no XIX Governo Constitucional

João Luís Mota de Campos, secretário de Estado no XV Governo Constitucional de Portugal

José Alarcão Troni, secretário de Estado nos XI e XII Governos Constitucionais e secretário-Adjunto no último Governo de Macau (1996/99)

José Luís da Cruz Vilaça, secretário de Estado nos VI, VII e VIII Governos Constitucionais, antigo Advogado-Geral (1986/88), Presidente do Tribunal de Primeira Instância (1989/95) e juiz do Tribunal de Justiça (2012/18) na União Europeia

José Pinheiro, Presidente da Câmara Municipal de Vale de Cambra

José Ribeiro e Castro, deputado à Assembleia da República e ao Parlamento Europeu em várias legislaturas, secretário de Estado nos VI e VIII Governos Constitucionais, antigo Presidente do CDS-PP

Luís Silveira, Presidente da Câmara Municipal de Velas (S. Jorge - Açores)

Márcio Dinarte Fernandes, Presidente da Câmara Municipal de Santana (Madeira)

Miguel Anacoreta Correia, secretário de Estado no VI Governo Constitucional, conselheiro de Estado (2006/11)

Narana Coissoró, vice-presidente da Assembleia da República (1999/2005), deputado da I à IX Legislaturas, com excepção da VII

Victor Mendes, Presidente da Câmara Municipal de Ponte de Lima

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG