Santos Silva é número um do PS pelo círculo de Fora da Europa

Ministro dos Negócios Estrangeiros é a surpresa que António Costa guardou como cabeça-de-lista para um círculo em que o PS não elegeu ninguém em 2015. Há quatro anos, Santos Silva não foi candidato a deputado.

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, é a surpresa que António Costa guardou como cabeça-de-lista para o círculo de Fora da Europa.

Em declarações à agência Lusa, a secretária-geral adjunta do PS, Ana Catarina Mendes, explicou a escolha: "O nosso ministro dos Negócios Estrangeiros fez um trabalho muito importante de proximidade junto das comunidades portuguesas. Este governo, entre outras medidas com grande impacto, concretizou o recenseamento automático, aumentando os direitos de participação."

É uma aposta de risco: o PS não elegeu ninguém por este círculo em 2015 - nem antes em 2011. Aliás, há quatro anos, o PS foi mesmo a terceira força mais votada, atrás do PSD-CDS, que elegeu os dois deputados, e do Nós, Cidadãos.

Há quatro anos, Santos Silva não foi candidato a deputado.

Já pelo círculo da Europa, o PS repete o seu candidato de 2015, Paulo Pisco, onde os socialistas dividem os dois mandatos com os sociais-democratas, confirmou o PS no seu site.

Dos 22 círculos, há apenas um cujo cabeça-de-lista não está confirmado - o de Braga. O DN adiantou ontem que Sónia Fertuzinhos é o nome apontado.

Nesta terça-feira à noite reúne-se a Comissão Política do PS para fechar este dossiê. Os cabeças-de-lista são apresentados publicamente na quinta-feira à tarde, em Lisboa, nos jardins do Palácio Galveias.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG