Marcelo anuncia atribuição de cidadania nacional a Aga Khan

Presidente da República anunciou no domingo que o imã, líder da comunidade ismaelita, ganhou o direito de ser cidadão português pelo trabalho desenvolvido em prol do país.

Marcelo Rebelo de Sousa deu este domingo a notícia na gala de entrega dos Prémios Aga Khan para a Música: o imã ganhou a cidadania nacional pelas ações desenvolvidas em prol da República Portuguesa, segundo o Expresso .

A medida, de acordo com o semanário, já foi aprovada há duas semanas pelo Governo, que é a entidade competente para o fazer, mas só agora o Presidente da República a anunciou, aproveitando a presença do príncipe que lidera a comunidade ismaelita. "Estou muito orgulhoso em tê-lo como cidadão português, sendo ao mesmo tempo um cidadão do mundo", disse Marcelo Rebelo de Sousa.

A cerimónia de encerramento dos Prémios Aga Khan para a Música, no valor de 500 mil dólares, realizou-se na Fundação Gulbenkian na noite de domingo, tendo sido distinguidos músicos de vários países do mundo. O vencedor foi o egípcio Mustafa Said.

A sede mundial da Comunidade Ismaelita (Immat Ismaili), liderada pelo Princípe Aga Khan, já está instalada em Lisboa, tendo sido assinado em 2015 um acordo bilateral para o efeito. As obras de recuperação do Palacete Henrique de Mendonça, onde ficará sediada, devem estar concluídas no próximo ano. O palacete foi comprado à Universidade Nova de Lisboa.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG