Esquerda mantém taxa adicional no imposto dos combustíveis

As propostas do PSD e do CDS propondo a revogação do adicional do ISP foram reprovadas pela esquerda.

O adicional do ISP vai manter-se como está, inalterado. Saíram goradas as tentativas do PSD e do CDS para revogar esta sobretaxa ao imposto dos combustíveis.

PS, BE, PCP, PEV estiveram contra nas votações na especialidade do OE 2019 que estão a decorrer na comissão parlamentar de Orçamento e Finanças.

O adicional foi criado na portaria 24-A/2016.

Ao mesmo tempo, os deputados aprovaram uma proposta do PCP para que crie uma majoração de 0,06 euros/litros aos subsídios que agricultores e pescadores recebem para a compra de gasóleo colorido e marcado. A medida abrangerá quem tenha um consumo anual até dois mil litros.