Funeral do comendador José Arruda realiza-se sexta-feira

Bispo das Forças Armadas preside à cerimónia religiosa a realizar na sede da Associação dos Deficientes das Forças Armadas.

Os restos mortais do presidente da Associação dos Deficientes das Forças Armadas (ADFA) vão estar quinta-feira em câmara ardente na sede daquele organismo, em Lisboa.

Em comunicado, a ADFA precisou que o comendador José Arruda - que morreu sábado, no Hospital da Cruz Vermelha - estará em câmara ardente com guarda de honra militar e será velado a partir das 16.00 de quinta-feira.

No dia seguinte realiza-se a cerimónia fúnebre, com as intervenções de dois membros da ADFA, seguindo-se a cerimónia religiosa presidida pelo Capelão Chefe de Bispo das Forças Armadas, D. Rui Valério.

Seguem-se os testemunhos e homenagens dos dois filhos e um momento musical, após o que o cortejo fúnebre segue para o cemitério dos Olivais.

José Arruda foi um dos fundadores da ADFA, que celebrou 45 anos de vida na segunda-feira da passada semana. A sua morte foi recebida com grande surpresa e consternação, suscitando palavras de reconhecimento e louvor das mais altas figuras do Estado e dos partidos políticos pela forma como lutou e defendeu os direitos dos deficientes militares da guerra colonial ao longo de quatro décadas e meia.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG