Sílvia Alberto: "O meu Natal em família é no dia 17"

"Fazemos vários natais antecipados com os vários primos", diz a apresentadora da RTP1

A apresentadora da RTP celebra o Natal como uma "época de reunião" de família, na qual os mais novos têm, obrigatoriamente, prioridade. "Fui educada assim", diz Sílvia Alberto. A sua família "não é assim tão grande", mas tem uma particularidade: comemora várias vezes. "Fazemos vários natais antecipados com os vários primos. Na verdade, o meu Natal em família é no dia 17", revela Sílvia Alberto. "É neste dia que as crianças trocam prendas, e então depois dispersamos para as nossas casas", acrescenta.

A noite da consoada "é, por isso, mais tranquila". Regra geral, a apresentadora junta-se na cozinha com a irmã e o cunhado. Cabrito assado e peras bêbedas - "que aprendi a fazer" - para o almoço, e bacalhau para o jantar - "que no dia seguinte vira roupa velha" - são pratos sempre presentes na mesa. Doces? "Muito poucos".

Este ano, porque está a gravar Os Extraordinários, que se estreia na RTP1 a 1 de janeiro e substituirá The Voice Portugal aos domingos à noite, além do programa de entrevistas Sociedade Recreativa, Sílvia Alberto não teve muito tempo para se dedicar à compra de presentes. "Estive um dia destes online e já despachei tudo. Estou muito satisfeita porque são presentes que me vão chegar a casa já embrulhados", ri-se.

Os adultos "não merecem mais além de uma garrafa de vinho ou um doce de abóbora com nozes ou requeijão", apenas para "assinalar a data". Já com os mais novos, especialmente os sobrinhos de oito e dez anos, a história é outra: "Às crianças sim, dedico algum trabalho à procura do que querem".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG