Naomi Campbell junta amigos em desfile de luta contra o ébola

Foi através da sua fundação, Fashion for Relief, que a manequim organizou evento solidário na Semana da Moda de Nova Iorque. Iniciativa repete-se em março, em Londres.

Foi há uma década que a veterana manequim britânica, de 44 anos, criou a fundação Fashion for Relief (Moda com fins solidários, em tradução livre), à época para ajudar as vítimas do furacão Katrina. De então para cá, Naomi Campbell tem organizado diversas ações relacionadas com outros assuntos humanitários através desta associação.

Este ano não é exceção e a moelo promoveu no passado sábado um desfile beneficiente contra o Ébola, inserido na semana da Moda de Nova Iorque. Este foi um evento diferente, em que os protagonistas foram figuras conhecidas ligadas a outras áreas que não a moda e que aceitaram juntar-se a esta causa. "Todos estão cá, porque querem", disse Campbell ao The Telegraph, acrescentando que este certame acabou também por ser um reencontro de amigos: "Por isso, toda a gente se mostra à vontade e nos bastidores há realmente uma boa vibração. É muito divertido, é uma grande festa nos bastidores, porque já não nos vemos há muito tempo".

Para além da organizadora, outras figuras conhecidas pisaram a passerele, como a cantora Mary J. Blige, as atrizes Michelle Rodriguez e Kelly Rutherford, a cantora e designer Kelly Osbourne, a socialite Paris Hilton ou a manequim russa Irina Shayk, entre muitos outros. A assistir ao evento estiveram também outros adeptos de moda, como o cantor Justin Bieber.

Leia mais na edição impressa ou no e-paper do DN

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG