Maria Leal: "Levo entre 350 a 500 euros por atuação"

A intérprete de "Dialetos de Ternura" vai fazer uma atuação solidária para ajudar a angariar 52 mil euros para uma criança com cancro da cabeça

Maria Leal cobra entre 350 a 500 euros por atuação. A intérprete de Dialetos de Ternura diz que o seu cachê "varia conforme o espaço e o tempo" que lhe dão para cantar, mas que não chega a ser "valores exorbitantes" que tem "ouvido falar". Abre exceções, garante, quando recebe convites para atuar em "escolas secundárias". "É um valor irrisório, para os miúdos poderem estar comigo, tirar uma foto, cantar a música...", explica.

Com agenda preenchida até ao final do ano e atuações de norte a sul do país, Maria Leal tem ainda agendadas deslocações à Suíça e à Alemanha, mas o concerto mais importante é aquele que vai dar a 31 de outubro em nome de "Maria Inês, uma menina que aos dez anos tem um cancro da cabeça." "Não podemos ver só o dinheiro. Estou hiperfeliz e espero ter o triplo das pessoas [a assistir] para conseguir angariar os 52 mil euros que os pais desta menina precisam".

Desde que apresentou a sua música no programa Você na TV, da TVI, no início de outubro, que Maria Leal se tornou num fenómeno viral nas redes sociais. As críticas que tem recebido não a afetam. "Essas pessoas que criticam ou que fazem as paródias... eu já as admirava e vou continuar a admirar da mesma maneira. Acho que não estou a tirar a oportunidade a ninguém".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG