Stocks de combutíveis estáveis apesar de mudança de quinzena de férias

A maior procura de gasóleo e de gasolina por quem parte e quem chega de férias, este fim de semana, não provocou diminuição dos stocks, garante o governo.

O ministro do Ambiente e da Transição Energética, Pedro Matos Fernandes, garantiu este domingo que "apesar da mudança de quinzena, em que há um aumento significativo do consumo, os stocks mantêm-se estáveis e elevados".

No balanço de mais um dia de greve dos motoristas de matérias perigosas, o responsável governamental dava conta que a rede de postos de abastecimento tinha gasóleo na ordem dos 60,8% e de gasolina de 45,5 %. E os da rede REPA exclusiva, os que abastecem apenas veículos prioritários, de 60,9% de gasóleo e de 91,46% de gasolina.

Foi ainda referido que ao longo do dia não houve cargas, com a exceção do abastecimento dos aeroportos Humberto Delgado. E para tal foram mobilizadas quatro equipas das forças Armadas para abastecer o aeroporto Humberto Delgado.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG