Homem procurado por rapto em Espanha detido no aeroporto de Lisboa

O passageiro, proveniente de S. Paulo, Brasil, vai ser ouvido no Tribunal da Relação para apreciar o processo de extradição.

Um cidadão estrangeiro visado por um mandado de detenção europeu (MDE) para extradição por crimes de rapto e sequestro, emitido por Espanha, foi detido no aeroporto de Lisboa, indicou hoje o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF).

Segundo adianta o SEF, o passageiro, proveniente de S. Paulo, Brasil, foi conduzido sob detenção ao Comando Metropolitano, onde aguardará até ser ouvido no Tribunal da Relação competente para apreciar o processo de extradição.

Numa outra situação, na zona de Oliveira de Frades, distrito de Viseu, o SEF identificou três cidadãos estrangeiros em situação irregular durante uma ação de fiscalização em estabelecimento de diversão noturna.

Esta ação, desencadeada por sete inspetores do SEF para monitorizar a permanência de cidadãos estrangeiros em Portugal e sinalizar eventuais situações de exploração, designadamente associadas à prática da prostituição, permitiu a identificação de 15 cidadãos no local.

Os três cidadãos em situação irregular foram notificados para abandono voluntário do país, no prazo de 20 dias, sob pena de, em caso de incumprimento, virem a ser detidos e alvo de procedimentos coercivos de afastamento.

À entidade exploradora do estabelecimento foi ainda instaurado procedimento contraordenacional, a que poderá corresponder uma coima na ordem dos 10 mil euros.

Exclusivos

Premium

Legionela

Maioria das vítimas quer "alguma justiça" e indemnização do Estado

Cinco anos depois do surto de legionela que matou 12 pessoas e infetou mais de 400, em Vila Franca de Xira, a maioria das vítimas reclama por indemnização. "Queremos que se faça alguma justiça, porque nunca será completa", defende a associação das vítimas, no dia em que começa a fase de instrução do processo, no tribunal de Loures, que contempla apenas 73 casos.