Chuva de granizo em Albufeira leva pessoas a fugir da praia

Num dos dias mais quentes do ano, os banhistas foram surpreendidos ao final da tarde deste sábado no Algarve

É um dos dias mais quentes do ano em todo o país, mas ao final da tarde a chuva surpreendeu os algarvios e turistas. Várias pessoas que se encontravam este sábado na praia Maria Luísa, em Albufeira, foram apanhadas de surpresa por volta das 18.45 por uma chuvada intensa, que as levou a fugir do local.

De acordo com o relato de uma testemunha ao DN, de repente o céu começou a ficar carregado de nuvens e, sem nada o prever, começou a chover torrencialmente e até granizo. A situação demorou alguns minutos, o tempo suficiente para as pessoas fugirem da praia surpreendidas como que se estava a passar.

Segundo a meteorologista Paula Leitão, do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), esta situação já estava prevista, pois tinha sido lançado um aviso laranja para possibilidades de ocorrência de trovoada nos distritos de Portalegre, Beja, Évora e Faro. A ocorrência de trovoada deve-se a uma situação de grande instabilidade, que pode por vezes causar a queda de granizo.

Ao final da tarde já se registava alguma chuva e descargas elétricas, segundo os dados disponíveis no site do Instituto.

Há também registo no site da Proteção Civil de várias quedas de árvores no Alentejo.

Exclusivos

Premium

Legionela

Maioria das vítimas quer "alguma justiça" e indemnização do Estado

Cinco anos depois do surto de legionela que matou 12 pessoas e infetou mais de 400, em Vila Franca de Xira, a maioria das vítimas reclama por indemnização. "Queremos que se faça alguma justiça, porque nunca será completa", defende a associação das vítimas, no dia em que começa a fase de instrução do processo, no tribunal de Loures, que contempla apenas 73 casos.