Trump diz que a filha é que era ótima embaixadora na ONU: "Ela é dinamite."

Pouco depois de anunciar a saída de Nikki Haley do cargo de embaixadora dos EUA na ONU, o presidente americano comentou que ninguém está mais qualificado que a filha Ivanka para o lugar.

O presidente americano reconhece que seria acusado de nepotismo caso nomeasse Ivanka Trump para o cargo deixado vago por Nikki Haley, que esta terça-feira anunciou a sua saída do cargo de embaixadora dos EUA na ONU, que ocupava desde janeiro de 2017. Mas, garante, "nada teria a ver com nepotismo, porque as pessoas que sabem, sabem que Ivanka seria dinamite. Mas eu seria acusado de nepotismo mesmo que não houvesse ninguém mais competente."

Estas afirmações de Donald Trump sobre a filha, que nomeou para conselheira em assuntos de educação e de empoderamento económico das mulheres, e que é casada com Jared Kushner, que também trabalha na Casa Branca como conselheiro do presidente -- com dossiers como o conflito israelo-árabe, a reorganização do governo, a reforma da justiça e a crise da droga -- surgiram depois de a embaixadora na ONU cessante ter elogiado Ivanka e Jared, frisando que "eles fazem muitas coisas nesta administração de que ninguém sabe. O país está melhor graças a eles. Não posso elogiá-los o suficiente. Jared é um génio oculto que ninguém compreende, e Ivanka é uma boa amiga."

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG