Surfista desaparecido encontrado com vida depois de 32 horas no mar

Matthew Bryce, de 22 anos, estava em hipotermia mas consciente

Um surfista que esteve desaparecido durante 32 horas no mar foi resgatado com vida pela guarda costeira britânica, a cerca de 20 quilómetros da costa da Escócia.

Segundo o The Guardian, Matthew Bryce, de 22 anos, tinha sido visto pela última vez pelas nove da manhã de domingo, quando se dirigia para a praia de Westport, alegadamente para surfar. Foi localizado às 19:30 do dia seguinte, por um helicóptero que entretanto se tinha juntado à operação de resgate.

Natural de Glasgow, o surfista foi encontrado em estado de hipotermia, mas consciente, e transportado para o hospital de Belfast.

Durante todo o período em que esteve desaparecido, o surfista foi procurado pelas autoridades locais, às quais se juntaram membros das forças de segurança das localidades nas imediações. "Foi um verdadeiro esforço de equipa e gostaria de agradecer a todos os que ofereceram assistência", disse o inspetor-chefe Paul Robertson, citado pelas agências noticiosas.

Segundo Dawn Petrie, da guarda costeira de Belfast, que coordenou a operação de socorro, Bryce conseguiu sobreviver tantas horas nas águas geladas graças ao fato de neoprene que usava para surfar.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG