Submarino com três toneladas de droga que terá saído de Portugal encalha em Espanha

A operação culminou na detenção de dois indivíduos que circulavam a bordo. O submarino terá partido de Portugal, mas enfrentou problemas de combustível, que o deixaram encalhado.

Três toneladas de cocaína. É a quantidade apreendida no submarino que alegadamente terá saído de Portugal e que encalhou no fundo do mar em Espanha, na região de Morraço, segundo o jornal a Voz da Galiza.

A embarcação foi intercetada e cercada pelas autoridades, que detiveram duas pessoas, ambas de origem equatoriana. Uma terceira envolvida no transporte da droga está a ser procurado.

De acordo com o jornal espanhol, o submarino terá partido de Portugal para descarregar a droga na fronteira com Espanha, mas os problemas de combustível terão deitado por terra os planos.

A operação foi levada a cabo por várias entidades que seguiram a embarcação durante três dias. Entre as quais a Unidade de Drogas e Crime Organizado (Udyco) de Pontevedra, o Grupo Especializado contra o Crime Organizado (Greco) da Polícia Nacional, a Equipa de Crime Organizado (ECO) da Guarda Civil e o Serviço de Vigilância Aduaneira (SVA).

No local, esteve uma equipa de mergulhadores a avaliar a situação do submarino, encalhado no fundo do mar.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG