Equipas de resgate abrem túnel para chegar a quatro mineiros

Quatro mineiros estão presos há três dias numa mina de carvão no Peru. Está a ser feito um túnel para os resgatar, mas ainda falta escavar quatro metros, anunciou este domingo o ministério da Energia e Minas.

Cerca de 50 pessoas estão a participar na escavação de um túnel para chegar a quatro mineiros presos há três dias numa mina de carvão, no Peru. As equipas estão divididas em três grupos de 16 que trabalham sem parar, em turnos de oito horas.

Os mineiros retidos estão a receber alimentos como vitaminas e sais hidratantes através de uma manga de ar que já existia.

Na mina, denominada de Pampahuay, do município de Oyón, na serra de Lima, continuam quatro homens com idades entre os 30 e 40 anos. Segundo avançou este domingo o ministério da Energia e Minas, falta ainda escavar quatro metros para chegar aos mineiros.

Este não é o primeiro incidente na mina Pampahuay, onde já morreram pelo menos quatro mineiros nos últimos 14 anos.

O ministro peruano da Energia e Minas, Francisco Ísmodes, chegou este domingo à zona, acompanhado de especialistas, entre os quais geólogos e engenheiros, para supervisionar os trabalhos de resgate.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG