Rapaz de 7 anos queixava-se de dores. Dentistas tiraram-lhe 526 dentes

Dentes tinham entre 0,1 e 15 milímetros, coroa, esmalte e raiz, e estavam todos no maxilar inferior.

Ravindranath, um rapaz indiano de 7 anos, queixava-se de dores de dentes e tinha a bochecha direita inchada. Os pais achavam que seria um dente podre, mas quando foram ao dentista descobriram que era mais complicado que isso e que o filho precisava de uma cirurgia. Dentro do osso da mandíbula, invisíveis a olho nu, estavam centenas de dentes. Mais precisamente 526 dentes.

"Sem dor", disse o rapaz na quarta-feira, quando saiu do hospital e sorriu para os jornalistas. A cirurgia no Hospital Universitário Dentário de Saveetha, em Chennai, na Índia, demorou quase cinco horas.

"Os dentes eram todos de tamanhos diferentes que variavam entre 0,1 milímetros e 15 milímetros", disse a responsável pela área de patologia maxilofacial, Prathibha Ramani, citado pelo jornal Times of India. "Pareciam pérolas numa ostra. Até o mais pequeno tinha coroa, raiz e esmalte como um dente", acrescentou.

O rapaz sofria de odontoma composto, uma situação rara, não se sabendo o que a terá desencadeado. "Os resultados da biópsia revelaram que era apenas um crescimento anormal. Pode haver uma ligação genética forte, mas também não podemos afastar fatores ambientais, como a radiação das torres de telemóveis", disse a médica.

Os pais contaram ao Times of India que a bochecha do filho começou a inchar quando ele tinha três anos, mas quando foram ao hospital ele não deixou os médicos verem o que se passava. Mas quando o inchaço aumentou os pais foram ao hospital universitário e uma radiografia revelou o problema. Ravindranath foi mais difícil de convencer que os pais.

Após a cirurgia, o rapaz ficou com os normais 21 dentes para a idade.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG