Presidente dos EUA anuncia segundo teste negativo

Donald Trump conta que só teve de esperar 14 minutos para saber o resultado.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou na quinta-feira que foi submetido a um segundo teste para saber se estava infetado com o novo coronavírus e que também este se revelou negativo.

"Fiz o teste esta manhã [de quinta-feira]. Esperei 14 minutos pelo resultado", relatou, a partir da Casa Branca.

"Fi-lo por curiosidade, para ver com que rapidez se faria. Foi muito mais fácil, o segundo foi muito mais agradável", comparou.

Donald Trump já tinha feito um primeiro teste, há duas semanas, depois de se ter recusado a fazê-lo durante alguns dias, apesar de ter estado em contacto, na sua residência em Mar-a-Lago, na Flórida, com uma delegação brasileira em que seguiam duas pessoas entretanto testadas positivamente para o novo coronavírus. Esse primeiro teste também deu negativo.

Donald Trump tem sido acusado de minimizar o impacto da pandemia da covid-19 e de ter sido lento na resposta. Os Estados Unidos registaram na quinta-feira 1.169 mortes em 24 horas, o pior recorde mundial diário, de acordo com a contagem da Universidade Johns Hopkins.

O número recorde de mortes em 24 horas datava de 27 de março, quando foram registados 969 óbitos em Itália.

O número total de mortes desde o início da pandemia nos Estados Unidos é agora de quase seis mil.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de um milhão de pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 51 mil.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

Em Portugal, segundo o último balanço pela Direção-Geral da Saúde, registaram-se 209 mortes e 9.034 casos de infeções confirmadas. Dos infetados, 1.042 estão internados, 240 dos quais em unidades de cuidados intensivos, e há 68 doentes que já recuperaram.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG