Ponte de Westminster em Londres encerrada devido a veículo suspeito

Carro terá sido abandonado e um individuo, alegado proprietário, terá aparecido para o recuperar

A ponte de Westminster, em Londres, foi temporariamente encerrada devido a um "veículo suspeito" que teria sido abandonado. Na zona, situa-se o Palácio de Westminster, onde ficam a Câmara dos Lordes e a Câmara dos Comuns. Uma parte das instalações do parlamento chegou a ser evacuada.

Ao jornal britânico The Independent, um porta-voz da polícia de Londres explicou que foi montada uma operação mas que não foi encontrado qualquer engenho explosivo no automóvel.

Imagens partilhadas nas redes sociais mostram um robô da brigada de minas e armadilhas a aproximar-se do veículo imobilizado na ponte, que foi fechada ao tráfego e que atravessa o rio Tamisa entre várias atrações turísticas da capital inglesa, nomeadamente a London Eye, a célebre roda gigante de Londres.

O mesmo jornal refere testemunhos de pessoas que se encontravam no local, que dizem que a alegada ameaça de bomba terminou quando um indivíduo - eventualmente o proprietário do veículo - se dirigiu para o carro.

Já esta manhã, a polícia londrina fechou hoje várias ruas nos arredores da catedral de São Paulo, no centro de Londres, e enviou para o local unidades antiterrorismo depois da descoberta de um embrulho suspeito. Também os trabalhadores na zona, sobretudo na área dos serviços, foram retirados do local pelas 08:00 (mesma hora em Lisboa) e foi estabelecido um cordão de segurança na Cannon Street. A polícia fez uma explosão controlada do pacote suspeito e o aparato de segurança foi levantado.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG