Pelo menos 112 morrem em deslizamento de terras na Colômbia

Há cerca de 300 feridos. Número de vítimas tem vindo a subir nas últimas horas

Pelo menos 112 pessoas morreram num deslizamento de terras provocado por cheias em Mocoa, uma cidade colombiana com 350 mil habitantes localizada na junto da fronteira com o Equador. O número de vítimas é avançado pela AP, que cita o presidente colombiano.

Um cirurgião do hospital local disse também à agência de notícias que há cerca de 300 feridos.

Num balanço anterior, as autoridades davam conta de 92 mortos e cerca de 200 feridos.

Carlos Ivan Marquez, diretor geral da Unidade Nacional para a Gestão de Risco de Desastres, informou que as inundações, na sequência de fortes chuvas, ocorreram cerca da meia-noite e surpreenderam os residentes que dormiam.

Os serviços de emergência continuam a procurar sobreviventes, enquanto os balanços sobre o número de vítimas continuam a acrescentar mortos.

O presidente do país, Juan Manuel Santos, deverá visitar hoje a região afetada.

Exclusivos