OMS considera cada vez mais improvável segunda grande vaga

A Organização Mundial de Saúde (OMS) pede, no entanto, "muita prudência e bom senso".

A diretora do departamento de Saúde Pública da Organização Mundial de Saúde (OMS) afirmou esta segunda-feira que é "cada vez mais" improvável uma segunda grande vaga do novo coronavírus, mas aconselhou muita prudência.

Em entrevista à rádio catalã RAC-1, Maria Neira indicou que os modelos de previsão com que a OMS trabalha "avançam muitas possibilidades, desde novos surtos pontuais a uma nova vaga importante, mas esta última possibilidade é cada vez mais de descartar".

"Estamos muito mais bem preparados em todos os sentidos", afirmou a médica espanhola, que recomendou "muita prudência e bom senso" numa fase "muito crítica" da pandemia da covid-19 e pediu que a população não "entre em paranoia nem se relaxe demasiado" e que "aprenda a conviver com doenças infecciosas".

Leia mais em Diário de Notícias

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG