Notas de 500 euros encontradas no sistema de esgotos de Genebra

O prejuízo do banco e dos restaurantes onde o dinheiro foi descoberto ronda os vários milhares de francos suíços

Descobriram notas de 500 euros dentro da canalização de casas de banho de um banco suíço, o UBS, e de três restaurantes na mesma área em Genebra, na Suíça.

As autoridades confirmaram que no total foram encontrados dezenas de milhares de euros em notas de 500 euros que foram cortadas ao meio e despejadas nas sanitas. Ainda não sabem quem se livrou do dinheiro, que alegadamente veio de um cofre que pertence a uma mulher espanhola não identificada.

Segundo o jornal local Tribune de Genève (edição paga), citado pelo The Guardian, o advogado da mulher foi à esquadra da polícia oferecer dinheiro para pagar os estragos nas casas de banho do banco e dos três restaurantes, cujos prejuízos rondam os vários milhares de francos suíços.

Um empregado de um dos restaurantes onde se deu o sucedido contou ao Tribune de Genève, que a casa de banho dos homens ficou entupida e quando tentavam identificar o problema encontraram notas de 500 euros completamente destruídas nos canos e chamaram de imediato a polícia.

Na Suíça a destruição de dinheiro não é crime, mas as autoridades confirmam que vão aprofundar a investigação do caso.

Está a ser estudada pelo Banco Central Europeu uma forma de retirar de circulação as notas de 500 euros por serem as mais utilizadas em atividades criminosas, estas vão continuar no mercado mas deverão deixar de ser produzidas para evitar lavagem de dinheiro e financiamento terrorista.