Lula exige desculpas a Regina Duarte e filho de Bolsonaro por fake news

Secretária da cultura e deputado federal partilharam notícia falsa sobre Marisa Letícia, a falecida mulher do antigo presidente, com base em erro de um juiz. O magistrado dissera que ela tinha 256 milhões de reais em investimentos mas eram 26 mil

Lula da Silva e família exigem desculpas públicas de Eduardo Bolsonaro e de Regina Duarte a propósito de uma notícia falsa partilhada pelo deputado federal e pela secretária de cultura a respeito de Marisa Letícia, a mulher do antigo presidente, falecida em 2017.

O terceiro filho do presidente da República e a atriz divulgaram nas redes sociais um pedido de esclarecimento do juiz Carlos Henrique André Lisbôa, da primeira Vara da Família e das Sucessões de São Bernardo do Campo, à família de Lula sobre a existência de 256 milhões de reais [cerca de 43 milhões de euros ao câmbio atual] numa conta bancária de Marisa Letícia.

Afinal, o magistrado reconheceu agora que errara e o valor depositado era de 26 mil reais [pouco mais de quatro mil euros].

"A questão, portanto, está devidamente esclarecida", diz Carlos Lisbôa, acrescentando que a onda de notícias falsas produzidas depois da divulgação do valor errado podem ser tratadas, "caso haja interesse, em ação própria".

A família de Marisa Letícia já entrou com ação contra Eduardo e Regina e exige um pedido de desculpas de ambos, que ainda não se manifestaram..

Na ocasião da divulgaçao da notícia, Lula disse que se fosse verdade que Marisa Letícia tinha esse dinheiro na sua conta daria "80% ao juiz e o resto ao filho do Bolsonaro para ele fazer as fake news dele". "No outro dia ele publicou uma fotografia minha a sair do velório do meu neto, agora isso, essa gente não presta", concluiu.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG