Sonangol desmente exoneração de Isabel dos Santos

Isabel dos Santos foi nomeada para a presidência da Sonangol pelo pai, então presidente de Angola, José Eduardo dos Santos, em junho de 2016

A Sonangol desmentiu que Isabel dos Santos tenha sido exonerada pelo presidente angolano, João Lourenço, da presidência do Conselho de Administração. A notícia, que tinha sido avançada pela RTP, citando comunicado oficial da presidência angolana, terá sido baseada numa falsa nota de imprensa, indica agora a estação pública portuguesa.

Isabel dos Santos foi nomeada para a presidência da petrolífera Sonangol pelo pai, então presidente de Angola, José Eduardo dos Santos, em junho de 2016.

Numa nota oficial do governo de Angola, com data do dia 1 de novembro, informa-se apenas que o Presidente da República exonerou o conselho de administração da Empresa de Ferro de Angola, a Ferrangol, dois vice-governadores do Banco de Angola, assim como quatro membros do Conselho de Administração, e o conselho de administração da ENDIAMA, a Empresa de Diamantes de Angola.

Ler mais

Exclusivos