Gato mia para sair, mas fica à porta. Ministra francesa chamou-lhe Brexit

Comportamento do felino levou a ministra francesa dos Assuntos Europeus a chamá-lo de Brexit.

A ministra francesa dos Assuntos Europeus, Nathalie Loiseau, disse que deu o nome de Brexit ao seu gato devido à sua personalidade. As declarações, ao Journal du Dimanche, antecedem as horas em que os deputados britânicos irão decidir que mensagem a primeira-ministra Theresa May irá transmitir no Conselho Europeu de quinta e sexta-feira.

"Acorda-me todas as manhãs a miar como um louco porque quer sair, mas quando eu abro a porta ele fica parado, indeciso, e depois fica a olhar para mim quando eu o expulso", disse Loiseau.

Estas declarações fazem lembrar uma animação transformada que corre nas redes sociais. O original é de O Gato do Simon, uma série de animação do britânico Simon Tofield e cujo sucesso levou a que fosse publicado em livro. Em Portugal é editado pela Objectiva.

A animação original não tem as bandeiras da União Europeia, nem do Reino Unido, nem a ombreira da porta tem a referência ao Brexit.

Em outubro, a ministra francesa citou a governante britânica ao afirmar que "[a saída] sem acordo é melhor do que um mau acordo".

Na sexta-feira, um assessor do Eliseu lembrou em nome do presidente francês que se nada mudar de substancial o Reino Unido irá sair da UE no dia 29.

Nathalie Loiseau vai ser a cabeça-de-lista do partido de Emmanuel Macron às eleições europeias, tendo como adversária a líder da extrema-direita Marine Le Pen.

Exclusivos