Macron lança vídeo de "arrependidos" que votaram Trump ou 'Brexit'

O candidato centrista apela ao voto no dia 8

O candidato às presidenciais francesas Emmanuel Macron divulgou hoje um vídeo de apelo ao voto em que aponta as vitórias de Trump nos EUA e do 'Brexit' no Reino Unido como exemplos de que "o pior não é impossível".

O vídeo colocado no Twitter pela campanha do movimento de Macron, "Em Marcha!" (@enmarchefr), quando faltam três dias para a segunda volta, disputada pelo candidato centrista independente e a líder da extrema-direita, Marine Le Pen, recolhe testemunhos de eleitores norte-americanos e britânicos que se arrependeram de ter votado em Donald Trump, nas presidenciais de novembro, ou no 'Brexit', no referendo de junho.

Em cima da imagem, lê-se "A História lembrar-se-á do 7 de maio de 2017. Mas em que sentido? Para não se arrepender a 8 de maio, vote!".

No final do vídeo, de apenas 54 segundos, surge a mensagem: "Este domingo, a França tem uma escolha a fazer. O pior não é impossível, vote!", sobre uma fotografia de Emmanuel Macron num comício.

As últimas sondagens dão vantagem a Macron, mas a maioria dos analistas tem advertido que uma elevada abstenção favorece a candidata da extrema-direita.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG