Família desaparece de "casa parada no tempo"

A família Troadec desapareceu há cerca de duas semanas de sua casa, perto de Nantes. As autoridades desconfiam de um crime. Sangue estava espalhado pela casa, num caso de contornos bizarros

Uma "casa parada no tempo". É assim que as autoridades definem a casa da família Troadec, que desapareceu há cerca de duas semanas da sua habitação perto de Nantes, em França. O caso está a abalar o país tendo em conta os seus contornos bizarros.

Pascal e Brigitte, a rondar os 50 anos, o seu filho Sebastien, de 21, e a filha Charlotte, de 18, não são vistos desde 16 de fevereiro.

Para trás ficou uma casa com dois pisos cobertos com sangue, inclusivamente no telefone de Sebastien e no relógio de Brigitte. Existem também provas que houve tentativa de limpar e não deixar rasto. As camas não estavam feitas, os pentes e as escovas de dentes não estavam presentes e alguns lençóis estavam a secar dentro de casa.

Havia louça suja e comida no frigorífico. Não existem movimentos em nenhuma das contas bancárias e os telemóveis não são ativados desde dia 17, com o de Sebastien a ser o último a ser desligado, de acordo com Pierre Sennes, procurador responsável pelo caso.

Sennes diz que as autoridades estão a investigar a possibilidade de existir homicídio, rapto e cativeiro ilegal. Nas manchas de sangue foi encontrado o ADN de três dos quatro desaparecidos. O carro de Sebastien está por encontrar, mas o dos pais encontra-se estacionado à porta de casa.

O The Guardian afirma que vizinhos e fontes próximas revelaram que Sebastien já teve problemas psicológicos e que o pai, Pascal, já sofreu uma depressão.

Pierre Sennes destacou ainda que Sebastien foi condenado a trabalho comunitário, em 2013, quando ainda era menor, por fazer ameaças de morte no seu blogue. No entanto, os colegas de Sebastien entrevistados pelos media franceses descreveram-no como um rapaz sossegado e amigável, "sempre disponível a ajudar".

Sebastien e Charlotte estavam na casa da família durante as férias da escola.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG