Ex-espião russo teve alta hospitalar

Dois meses depois de ter sido envenenado por um agente neurotóxico, no Reino Unido, o ex-espião russo, Sergei Skripal, teve esta sexta-feira alta do hospital de Salisbury

O antigo espião russo, Sergei Skripal, teve hoje alta hospitalar. A 4 de março, o ex-espião e a filha, Yulia Skripal, foram internados depois de terem sido vítimas de um ataque com Novichok, um agente neurotóxico, em Salisbury, Inglaterra.

Um mês depois de ter sido hospitalizada, a filha do ex-espião russo teve alta.

O caso despoletou uma crise diplomática entre o Reino Unido e a Rússia. Londres acredita que Moscovo está por detrás deste ataque, mas as autoridades russas negaram as acusações.

O Reino Unido suspendeu os "contactos bilaterais" com o Kremlin e expulsou 23 diplomatas russos. Vários países ocidentais seguiram o exemplo de Londres. Os EUA, por exemplo, anunciaram a expulsão de 60 diplomatas russos. Moscovo respondeu da mesma forma.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG