EUA vão manter-se na Síria

As tropas norte-americanas vão continuar na Síria até serem cumpridos os objetivos, que passam por derrotar o Estado Islâmico, explicou a embaixadora dos EUA na ONU

A embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Nikki Haley, assegurou este domingo que as tropas norte-americanas não vão deixar a Síria enquanto os objetivos não forem atingidos.

Em declarações ao programa de televisão Fox News Sunday, Haley apontou três objetivos dos EUA: assegurar que as armas químicas não sejam usadas e não coloquem em risco os interesses dos EUA, derrotar o grupo extremista Estado Islâmico e ter uma localização vantajosa para observar o que o Irão está a fazer.

Nikki Haley refere que a vontade dos EUA é "ver as tropas norte-americanas regressar a casa", mas não para já. "Não vamos embora da Síria até conseguirmos realizar esses objetivos", diz a embaixadora dos EUA na ONU, citada pela Reuters.

Questionada sobre as relações entre os EUA e a Rússia, Haley admitiiu que estão "muito tensas", mas que os Estados Unidos esperam ter, no futuro, um relacionamento melhor com Moscovo.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG