Encontrada morta adolescente desaparecida há mais de um mês

Os testes ADN confirmam que se trata de Alexia Silva Costa.

O corpo encontrado quinta-feira é de Alexia Silva Costa, uma adolescente de 15 anos que estava desaparecida desde o início de fevereiro, na ilha de Oléron, situada na costa atlântica de França. Os testes ADN confirmaram as suspeitas, uma vez que a fisionomia do cadáver e as roupas indicavam tratar-se da adolescente.

O Ministério Público francês abriu uma investigação por homicídio, uma vez que o corpo estava dissimulado por plantas. Os resultados preliminares da autópsia não indicam que tenha sofrido agressões sexuais, mas ainda é necessário realizar mais exames para apurar as causas da morte.

Alexia Silva da Costa, que sofria de depressão, foi vista pela última vez às 17h30 de 1 de fevereiro, quando saiu da escola. Tinha enviado um SMS a um amigo, que lhe respondeu e, desde então, o telemóvel ficou desligado. Desde logo se iniciaram as buscas pela adolescente e, ao longo do tempo, foram surgindo várias teorias para justificar o desaparecimento. Uma delas era a de rapto.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG