El Gordo deixa 240 milhões de euros perto da fronteira com Portugal

São 240 milhões de euros que o sorteio do El Gordo (o prémio máximo) da Lotaria de Natal destina a Punta Umbría, em Huelva.

A localidade de Punta Umbría, em Huelva, a 56 quilómetros da fronteira de Vila Real de Santo António, foi a província que recebeu o El Gordo (o prémio máximo) da famosa Lotaria de Natal de Espanha.

Foi o número mágico 72.897 que determinou que 240 milhões de euros fossem direitinhos para Punta Umbría, onde foram vendidas 60 séries.

No total, estes cinco algarismos repartem quatro milhões de euros por série.

O sorteio da lotaria de Natal realizou-se esta terça-feira, tendo sido repartido por 20 províncias espanholas.

O primeiro prémio foi cantado, como manda a tradição, às 12h02 locais (11h02 em Portugal Continental), por crianças da escola San Ildefonso, sendo Punta Umbría, a localidade mais afortunada em toda a Espanha.

Além da província de Huelva, o prémio também foi parar a Tarragona, Granada, Madrid, León, Pontevedra, Vizcaya, Santa Cruz de Tenerife, Alicante, Cáceres, Córdoba, las Palmas, Murcia, Pontevedra, Salamanca, Valência e Zamora.

O segundo prémio da lotaria nacional diz respeito ao número 06095, que reparte 125 mil euros por cada 20 euros jogados, tendo saído em Alcalá de Henares, em Madrid, e em Gandía, em Valência.

O número 52.472 foi cantado para atribuir o terceiro prémio, que reparte 500 mil euros por série em todo o país.

Em ano de pandemia, são vários os eventos que sofrem alterações e a lotaria de Natal não escapou às restrições. A tradição de ter crianças a cantar os números da sorte manteve-se, e sem máscaras, mas o sorteio realizou-se no Teatro Real sem a presença de público.

No total, foram distribuídos 2408 milhões de euros em prémios, 400 mil euros por "décimo" no caso do primeiro prémio, conhecido como El Gordo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG