Espanha. Já saiu o emotivo anúncio da Lotaria de Natal e não esquece a pandemia

"Partilhar como sempre, partilhar como nunca" é o lema da campanha, que custou 860 mil euros. O primeiro prémio da lotaria que sai a 22 de dezembro, o El Gordo, rende 400 mil euros por cada décimo ou cautela.

Os anúncios da Lotaria de Natal são sempre um evento em Espanha tão especial como o próprio sorteio. Mas se quando sai o El Gordo (o prémio máximo) o sentimento geral é de alegria, no dia em que é conhecido o anúncio, a emoção é normalmente outra, devido às histórias que contam.

O anúncio deste ano tem como base a ideia de partilha e, como não podia deixar de ser, reflete a atual pandemia de covid-19 e a necessidade de distanciamento social. "Partilhar como sempre, partilhar como nunca" é o lema da campanha, que custou 860 mil euros.

No anúncio, da agência Contrapunto BBDO, vemos como ao longo do tempo uma cautela da lotaria tem unido as pessoas, quer seja pai e filho, namorados, imigrantes ou colegas de trabalho.

"Este ano, houve momentos em que senti medo. Mas, graças a ti, não me senti sozinha", diz uma vizinha idosa a outra mais jovem, numa carta deixada à sua porta, onde partilha com ela uma cautela, ou um "décimo".

Outra versão do anúncio termina com dois irmãos que estão chateados há muito mas que, "com tudo o que está a acontecer este ano", um deles decide recuperar o contacto e partilhar um "décimo".

O sorteio da Lotaria de Natal é a 22 de dezembro, ainda não se sabendo se os prémios serão "cantados" como sempre, pelas crianças do colégio de San Ildefonso, no Teatro Real. Tudo dependerá de como estiver a pandemia. No total, serão distribuídos 2408 milhões de euros em prémios, 400 mil euros por "décimo" no caso do primeiro prémio, conhecido como El Gordo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG