Premium De Port Said a Suez - Segunda reportagem de Eça de Queirós no Egito para o DN

Mais um tesouro do baú do DN: Eça de Queirós, com 24 anos, a publicar em 1870 quatro reportagens no Egito, endereçadas ao amigo Eduardo Coelho, fundador do Diário de Notícias. Esta é a segunda delas.

E stá o Latife encalhado! ; O vice-rei e Mr. De Lesseps sucumbem ; Findaram as festas! ; Está livre o Latife Como se navegava no canal ; As lamas do lago Menzaleh ; Como os árabes esgotam um pântano ; O Fayoum encalha! ; As dunas de El-Guisrh ; O que faz o vento do deserto ; 18 mil operários ; O lago Timsah ; Ismailia ; Um começo de vida imoral ; Capitães comerciais e capitães históricos

Dizia-se que o Latife, pequeno vapor que na véspera tinha partido como explorador, encalhara; que os navios reais e imperais, os vapores egípcios com os convidados, não podiam passar na estreiteza do canal, e que apesar de alijados da sua artilharia, e sem lastro, pediam mais água do que o canal tinha de profundidade; que o vice-rei e Mr. De Lesseps tinham partido para ver o Latife; que se resolvera, em último caso, fazê-lo saltar; que as festas cessavam, e que tudo regressava a Alexandria, como no tempo das derrotas de Actium.

Ler mais

Exclusivos