China faz "Revolução Nacional" de casas de banho públicas

Objetivo de renovação das casas de banho públicas foi alcançado em cerca de 93%

Mais de 50 mil casas de banho públicas foram instaladas ou renovadas na China no quadro da "Revolução Nacional de Casas de Banho", destinada a remover equipamento sujo e inadequado, nomeadamente em locais turísticos.

De acordo com um relatório do Gabinete Nacional de Turismo, publicado na sexta-feira, o objetivo de renovação das casas de banho públicas foi alcançado em cerca de 93%.

Até ao final do ano, o país deverá ter instalado milhares de casas de banho novas no lugar de latrinas que ofereciam pouca privacidade. Para garantir a limpeza dos novos equipamentos foi contratado pessoal de manutenção.

"Nos locais turísticos, os visitantes ficavam incomodados com o número reduzido de casas de banho públicas, a sujidade nas mesmas e a falta de pessoal de manutenção", de acordo com a agência Nova China.

Ainda segundo a agência, uma sondagem recente mostra que 80% dos turistas consideram as casas de banho públicas na China satisfatórias, contra 70% em 2015.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG