Autocarro cai em ravina de mata 27 elementos de trupe de ópera

Acidente provocou ainda 10 feridos. Queda, que aconteceu já ao final da tarde, foi de 76 metros. Motorista despistou-se ao tentar fazer uma curva apertada.

Vinte e sete mortos e mais de 10 feridos. Este é o balanço depois de um autocarro com cerca de 40 pessoas a bordo ter caído numa ravina de 76 metros, em Deogarh, na Índia, referem os media locais, citados pela AFP.

A superintendente da polícia de Deogarh, Sarah Sharma, confirmou, citada pelo The Times of India que "todos pertenciam a uma companhia de ópera. Estavam de regresso à sua cidade natal no distrito de Bargarh, depois de terem atuado no distrito de Deogarh, cerca de 150 km de distância do local do acidente. O acidente aconteceu por volta das 18.30 [13.00 em Lisboa]".

Os corpos estavam a ser retirados pela equipa de resgate de resposta rápida e oito equipas de bombeiros também foram chamados ao local. Para o local foram enviados geradores que permitiram iluminar a ravina e ajudar as operações de regaste durante a noite.

A responsável da polícia sublinhou que estrada é muito estreita e que o condutor terá perdido o controlo quando contornava uma curva apertada.

Acidentes fatais na Índia são comuns, já que este país tem alguma das estradas mais perigosas do mundo. Registam-se por ano, mais de 200 mil acidentes, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG