Atentados em Bagdad fazem pelo menos 38 mortos e 105 feridos

Dois atentados suicidas nesta segunda-feira em Bagdad fizeram, pelo menos, 38 mortos e 105 feridos, segundo fontes oficiais iraquianas.

Os dois atentados registados no centro da capital do Iraque são a segunda acção do mesmo género ocorrida em menos de três dias na mesma área da cidade.

"Dois 'kamikazes' fizeram-se explodir na praça Tayyaran, no centro de Bagdad", disse o general Saad Maan, porta-voz do comando conjunto de operações que integra a polícia e os militares.

A praça é um tradicional local onde trabalhadores da construção civil se encontram todas as manhãs à procura de trabalho, além de movimentado interface de transportes. Já foi alvo de ataques semelhantes no passado.

A capital iraquiana tem sido alvo de repetidos atentados do Estado Islâmico (EI) desde que este grupo islamita radical se apossou de largas zonas do país na primeira metade de 2014.

Até ao momento os ataques não foram reivindicados.

Exclusivos