Antigo deputado russo morto a tiro em Kiev

Deputado, morto à porta de um hotel de luxo, recebeu nacionalidade ucraniana e renunciou ser cidadão russo

O antigo deputado russo Denis Voronenkov foi atingido a tiro e morreu em Kiev, à entrada de um hotel de luxo na capital da Ucrânia, anunciou hoje a polícia local.

Voronenkov, de 45 anos, era um antigo membro da fação comunista na câmara baixa do Parlamento russo e tinha-se mudado para Kiev, tendo recebido nacionalidade ucraniana, e renunciou a ser cidadão russo.

O antigo deputado deixou a Rússia acompanhado da sua mulher, a cantora Maria Maksakova, que é também deputada, e foi para a Ucrânia devido à perseguição pelas agências de segurança russas de que dizia ser alvo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG