Ameaça de bomba obriga voo da EgyptAir a aterragem de emergência

O avião já retomou o voo

Um avião da EgyptAir que partira do Cairo, Egito, em direção a Pequim, China, foi forçado a aterrar no Uzbequistão devido a uma ameaça de bomba. O incidente aconteceu às 23:30, hora local na capital egípcia.

Segundos a AP, os 135 passageiros foram evacuados e o avião revistado. Entretanto, o voo já foi retomado.

Três horas após a descolagem, uma denúncia anónima recebida pelos agentes de segurança do aeroporto da capital egípcia por chamada telefónica obrigou o avião da EgyptAir a aterrar a 840 quilómetros da capital do Uzbequistão, no aeroporto de Urgench.

O incidente acontece quase três semanas depois de um outro voo desta companhia se ter despenhado ao largo da ilha grega de Karpathos, no Mediterrâneo.

Exclusivos

Premium

Liderança

Jill Ader: "As mulheres são mais propensas a minimizarem-se"

Jill Ader é a nova chairwoman da Egon Zehnder, a primeira mulher no cargo e a única numa grande empresa de busca de talentos e recursos. Tem, por isso, um ponto de vista extraordinário sobre o mundo - líderes, negócios, política e mulheres. Esteve em Portugal para um evento da companhia. E mostrou-o.