Mortes em Itália atingiram 1.266, mais 250 nas últimas 24 horas

As mortes por coronavírus em Itália atingiram esta sexta-feira 1.266, o que representa um aumento de 250 nas últimas 24 horas, segundo o chefe da Proteção Civil, Angelo Borrelli.

O número de infetados em Itália, o país europeu mais fustigado pelo surto de Covid-19, é 14.955, mais 2.166 em relação a quinta-feira, enquanto os doentes curados são agora 1.439, mais 181 nas últimas 24 horas.

O número total de infeções desde a deteção do surto em Itália, no final de fevereiro, é de 17.660, incluindo os doentes, falecidos e curados.

O novo coronavírus responsável pela Covid-19 foi detetado em dezembro, na China, e já provocou mais de 5.000 mortos em todo o mundo, levando a Organização Mundial de Saúde (OMS) a declarar a doença como pandemia.

O número de infetados ultrapassou as 134 mil pessoas, com casos registados em mais de 120 países e territórios, incluindo Portugal, que tem 112 casos confirmados.

Face ao avanço da pandemia, vários países têm adotado medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena inicialmente decretado pela China na zona do surto.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG