Lourenço Carvalho fala sobre o "Modo de Vida Europeu" em sessão Media Lab LIVE "Falando da Europa"

A segunda sessão Media Lab LIVE "Falando da Europa" 2020/21 realizou-se no dia 23 de fevereiro e contou com a presença de Lourenço Carvalho, cofundador da Universidade dos Valores, que foi convidado a debater o tema "Democracia, Valores e Modo de vida Europeu". Os alunos do Colégio Santo André, da Escola Profissional de Setúbal e da Escola Profissional de Agricultura de Marco de Canaveses tiveram a oportunidade de desenvolver diversas atividades jornalísticas em torno de temáticas Europeias, bem como entrevistar o orador.

O workshop ​​​​​​​Media Lab "Falando da Europa", uma iniciativa do Media Lab DN e JN, que conta com o apoio do Espaço Europa - Representação da Comissão Europeia e Gabinete do Parlamento Europeu, em Portugal - conta já com a realização de nove edições, das quais oito foram implementadas em formato presencial. Esta foi a primeira edição levada a cabo online, via Zoom. A solução, desenvolvida para fazer face aos constrangimentos provocados pela Covid-19, permitiu reinventar este projeto e alargar a participação de escolas a todo o País, tornando-o mais inclusivo.

Assim, ao início da tarde, os cerca de 60 alunos participantes, ligaram-se por Zoom a partir das suas casas e aprenderam mais sobre jornalismo, desinformação, democracia e valores, com a Europa como pano de fundo.

Os jovens começaram por assistir a uma formação teórica do Media Lab, focada nas técnicas de elaboração de notícias, na identificação de clickbait e fake news, e no reconhecimento dos perigos da desinformação e dos algoritmos das redes sociais.

Os alunos tiveram também a oportunidade de ser jornalistas por umas horas. Com a orientação dos Monitores e Formadores Media Lab, reescreveram notícias sobre a Europa para três formatos diferentes - rádio, vídeo e redes sociais. Mas a sessão não ficou por aqui.

Lourenço Carvalho deu uma palestra sobre "Democracia, Valores e Modo de Vida Europeu". Durante cerca de 20 minutos, foram discutidas questões como a relação entre os níveis de rendimento e a felicidade, os problemas que podem existir entre a equidade, a solidariedade e a democracia, e o papel da educação e do rendimento na promoção de valores democráticos. De acordo com dados recolhidos pela Universidade dos Valores, que o orador partilhou com os alunos, a população com maiores níveis de instrução dá menos importância a certos valores estruturantes da democracia: "desde o 1º e 2º ciclo e à medida que avançamos, vai decrescendo a importância que damos à justiça ou à solidariedade... e estes dados devem fazer-nos refletir."

Esta reflexão prosseguiu para além do tempo da palestra, quando os jovens participantes, novamente organizados em três redações, conduziram pequenas entrevistas ao orador convidado, colocando perguntas sobre o tema da sessão. Quando questionado sobre o porquê da desvalorização destes valores nos segmentos mais instruídos e com mais rendimentos da sociedade, Lourenço Carvalho voltou a apontar para o sistema de ensino: "(...) está organizado de uma forma que potencia muito as capacidades técnicas dos indivíduos (...) A partir do momento em que vamos avançando nos níveis de instrução e escolaridade temos currículos cada vez mais técnicos e com cada vez menos competências transversais, competências sociais, interpessoais e cívicas, a que a UNESCO chama de "saber ser"".


A última pergunta da sessão ficou a cargo de uma aluna do Colégio Santo André, que desafiou o convidado a recomendar alguns livros para quem "quer encontrar os seus valores". Numa conversa que já tinha ficado pautada por referências a Kant, Mia Couto, Agostinho da Silva, Richard Bach e Antoine de Saint-Exupéry, Lourenço Carvalho deixou uma sugestão menos convencional... o "livro da natureza": "estarmos em contacto com a natureza é mantermo-nos em contacto com esses princípios fundamentais que nos mantêm atentos àquilo que é importante... os valores."

O Media Lab - Diário de Notícias - é um projeto de educação não-formal cuja missão visa a promoção da literacia mediática e da informação, através de atividades lúdico-pedagógicas para todos os públicos, em prol de uma participação cívica informada e ativa..

Saiba como participar no site do projeto.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG