Projeto de lei para alargamento da TDT foi aprovado

Todas as bancadas votaram a favor, exceto o PSD que se absteve

O projeto de lei que alarga a oferta de canais na televisão digital terrestre (TDT) foi aprovado esta terça-feira na especialidade, disse fonte do Bloco de Esquerda (BE).

"O projeto de lei da TDT foi aprovado na especialidade com os votos a favor de todas as bancadas", com exceção do PSD, que se absteve, afirmou a mesma fonte.

A votação do diploma, que conta com os contributos do BE, PS, PCP e PEV, tinha sido adiada por duas vezes.

O Conselho de Ministros tinha aprovado no dia 23 de junho o alargamento da oferta de TDT, que previa dois canais da RTP sem publicidade, nomeadamente a RTP Memória e a RTP3 e outros dois reservados para os privados, sendo que para estes últimos seria lançado o concurso.

O projeto de lei conjunto do Bloco de Esquerda (BE), Partido Socialista (PS), Partido Comunista Português (PCP) e do Partido Ecologista Os Verdes (PEV) que alarga a oferta da TDT, deu entrada nesse mesmo dia no parlamento e previa a análise das condições técnicas e financeiras necessárias para integrar os restantes canais da RTP nesta plataforma.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG