Suécia recomenda quarta dose da vacina para maiores de 80 anos

A recomendação surge numa altura em que a disseminação da covid-19 "ainda é intensa" na Suécia, tendo sido registado um aumento no número de infeções nas últimas semanas.

A agência de saúde pública da Suécia recomendou, esta segunda-feira, a administração da quarta dose da vacina contra a covid-19 para as pessoas com mais de 80 anos, em lares de idosos e em atendimento ao domicílio.

O organismo fez saber que a quarta dose deve ser tomada quatro meses após a dose anterior, no mínimo.

"A disseminação da covid-19 ainda é intensa na Suécia. Um número crescente de casos foi relatado nas últimas semanas, inclusive entre pessoas com maior risco de doenças graves", disse a agência de saúde pública da Suécia.

"A capacidade do sistema imunológico de reagir à vacinação e de construir proteção duradoura diminui com a idade", acrescentou o organismo. "Um reforço fortalece essa proteção", disse o epidemiologista estadual Anders Tegnell em comunicado da agência.

Na Suécia, mais de 85% das pessoas com mais de 80 anos receberam uma terceira dose da vacina, assim como 55% dos maiores de 18 anos.

O país, que suspendeu todas as suas restrições a 9 de fevereiro, apesar de um aumento no número de infeções pela variante Ómicron, foi notícia em todo o mundo no início da pandemia por optar por não impor restrições no combate à covid-19.

Desde o início da pandemia, a Suécia já registou mais de 16 500 mortes associadas à infeção por SARS-CoV-2, um número ligeiramente melhor do que a média europeia, mas é muito maior do que na Noruega, Finlândia e Dinamarca.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG