Falésias em Sicília vandalizadas com pó vermelho

O Presidente da Sicília, Nello Musumeci, condenou o "gesto cobarde".

A famosa atração turística "Escada dos Turcos" (Scala dei Turchi), em Itália, foi vandalizada com pó vermelho durante a noite de sexta-feira, avança a BBC News. Nello Musumeci, Presidente da Sicília desde 2017, condenou o "gesto cobarde".

As manchas vermelhas que cobrem a falésia foram criadas com uma mistura de pó de gesso vermelho e água e estão a ser removidas através da ajuda de vários voluntários que se reuniram no local para limpar.

As autoridades locais avançaram com uma investigação a partir das câmaras de vigilância e das lojas da ilha, com o objetivo de identificar qualquer pessoa que tenha comprado recentemente gesso vermelho, na esperança de apanhar o culpado do ato de vandalismo.

A Scala dei Turchi, uma parede rochosa característica de Agrigento, na ilha de Sicília, foi antigamente alvo de invasões piratas árabes e tornou-se uma atração turística devido aos famosos contos do Comissário Montalbano.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG