Exclusivo Voo MH17. Coronel da secreta russa ligado à queda do avião

Chama-se Andrey Burlaka e está três degraus abaixo de Vladimir Putin na cadeia de comando.

Vladimir Ivanovich. Foi este o nome de código usado pelo homem que fez a ligação entre os autodenominados líderes da chamada República Popular de Donetsk e o Kremlin. O site de investigação Bellingcat identifica Vladimir Ivanovich como Andrey Ivanovich Burlaka, coronel da FSB (a agência de serviços de informação que sucedeu ao KGB) e chefe de Operações do Serviço de Fronteiras da agência.

Burlaka desempenha um cargo de topo na hierarquia do Kremlin. É também vice do diretor do Serviço de Fronteiras do FSB, que por sua vez é vice do diretor da FSB, Alexander Bortnikov.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG