Premium Um 'Manual de Sobrevivência' que vale bem um bocado da Feira do Livro de Lisboa adiada

Nesta quinta-feira seria inaugurada a 90.ª Feira do Livro de Lisboa. A covid-19 obrigou a adiar o maior evento nacional em torno dos livros para 27 de agosto, mas há novidades a chegar às livrarias. Manual de Sobrevivência de Um Escritor, de João Tordo, é um deles.

Estava tudo a preparar-se para fazer desta 90.ª Feira do Livro de Lisboa mais uma grande edição quando surge o aviso: "A 90.ª Feira do Livro de Lisboa 2020 será adiada". Agora já se sabe que decorrerá entre 27 de agosto e até 13 de setembro", mas novidades que iriam levar dezenas de autores - e milhares de leitores - ao Parque Eduardo VII mantêm-se em muito por publicar. Mesmo com as livrarias reabertas e o regresso aos lançamentos da maior parte das editoras portuguesas, o setor ainda está a despertar de um sono tão maléfico para a literatura como inesperado.

Entre as novidades adiadas está um livro pouco habitual entre a produção dos escritores portugueses: Manual de Sobrevivência de Um Escritor. É a análise de João Tordo à vida que escolheu e uma radiografia muito pertinente dos grandes problemas que se colocam aos escritores, coisa de que os nossos autores fogem como do diabo. Um volume em muito na primeira pessoa e que, perante uma obra já com dimensão e que se sobrepõe à da maioria dos autores da sua geração pelo empenho na renovação das regras literárias e inovação nas temáticas, vale a pena ser lida.

Ler mais

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG