Exclusivo Medicamentos retirados vão ser produzidos em laboratório militar

BE avança com proposta orçamental para modernizar Laboratório Militar de Produtos Químicos e Farmacêuticos para serem produzidos oito medicamentos identificados como necessários.

O Bloco de Esquerda quer que o Laboratório Militar possa produzir medicamentos retirados do mercado, depois de a proposta do Orçamento do Estado (OE) para 2019 feita pelo governo não incluir nenhuma verba para o efeito, como explicou ao DN o deputado Moisés Ferreira.

Entre as 195 propostas de alteração com que o BE avançou ao OE está a de dar capacidade ao Laboratório Militar de Produtos Químicos e Farmacêuticos para produzir medicamentos, evitando "a rotura de stocks", "a retirada de medicamentos de mercado" e simultaneamente aumentando "o acesso dos utentes a terapêuticas necessárias". Para o BE, assim criam-se poupanças "tanto para os utentes como para o Estado".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG